terça-feira, 12 de março de 2013

Para realizar mudanças, é preciso acreditar e agir

                             

Certa vez um homem recebeu ajuda de um barqueiro para atravessar um rio. ao entrar no barco, o homem notou que em um dos remos estava escrito a palavra agir e em outro a palavra acreditar. curioso, o homem perguntou ao barqueiro a razão daqueles nomes.

O barqueiro pegou o remo no qual estava escrito "acreditar" e remou com toda a força. o barco começou a dar voltas, sem sair do lugar em que estava. em seguida, pegou o remo em que estava escrito a palavra "agir" e remou com todo o vigor. novamente o barco girou, sem ir adiante. por fim, o velho barqueiro segurou os dois remos e movimentou-os ao mesmo tempo: impulsionado de ambos os lados, o barco navegou através das águas do rio e calmamente alcançou a outra margem.
então o barqueiro disse ao viajante:

- este barco pode ser chamado de autoconfiança. e a margem é a meta que desejamos atingir. para que o barco da autoconfiança navegue seguro e alcance a meta pretendida, é preciso que  utilizemos os dois remos ao mesmo tempo e com a mesma intensidade: agir e acreditar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário